Home In-formação VOCÊ PRECISA DO SEU INIMIGO PRA SER QUEM É!

VOCÊ PRECISA DO SEU INIMIGO PRA SER QUEM É!

5 min ler
VOCÊ PRECISA DE SEU INIMIGO PRA SER QUEM É

VOCÊ PRECISA DO SEU INIMIGO PRA SER QUEM É! mas pra isto acontecer a alma humana tem quem ser vista, pois ela é um lugar de contradição.

Contradição por que tudo precisa do contraste, não temos experiências sem elas, por exemplo: Luz e sombra, prazer e dor, acima e abaixo, a frente e para trás, quente e frio, se não houvesse divisões, não haveria manifestação. Portanto, para ter uma manifestação, precisamos de energias opostas, não é a toa que o Batman precisa do Curinga.

“Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta”. Carl Jung

Carl Jung disse que todos nós precisamos dos nossos inimigos para sermos quem somos. Aliás, o próprio tinha uma coragem para ver que cada um de nós precisa de um lado sombrio para sermos quem somos, inclusive, o inconsciente coletivo é a biblioteca da mente, um depósito de toda a experiência passada da qual podemos lançar mão no presente.

“Tudo o que nos irrita nos outros pode nos levar a uma melhor compreensão de nós mesmos”. Carl Jung

A pergunta “QUEM SOU EU?” Nunca tem uma resposta permanente, já que o self é fluídico e muda constantemente no que diz respeito ao seu próprio ‘self’ e o ‘self’ que você compartilha com todas as outras pessoas. Estudos demonstraram, por exemplo, que o cérebro de pessoas que se especializaram em informática e desenvolveram habilidades em videogames possuem novos caminhos neurais.

Se quisermos encontrar o verdadeiro self, precisamos mergulhar no mundo da sombra e em seu fluxo.

A sombra, este “inimigo interno”, é uma criação humana, ela foi forjada no inconsciente coletivo. Odiar um inimigo não é uma falha da natureza humana, a sombra estipula o modelo de “eles”, pessoas que são estranhas a “nós”. Eles querem nos ferir e levar o que temos de valor.

“O que não enfrentamos em nós mesmos acabaremos encontrando como destino”. Carl Jung

Ao contrário de nós, eles não são totalmente humanos, nós temos o direito de lutar com eles, até mesmo de destruí-los. Esse modelo invisível, que modela a mente da maioria das pessoas sobrevive por séculos para minar o pensamento racional, isto é a essência do arquétipo da sombra.

“As pessoas não farão nada, não importa o quão absurdo, com a finalidade de evitar encarar sua própria alma”. Carl Jung

Devido a este modelo invisível é que a sombra se torna divina e diabólica, sagrada e profana, santa e pecadora. A sombra é o impulso da separação, mas o impulso divino é o que busca a união. Portanto, precisamos dos nossos inimigos, não é o lá fora que estou dizendo e sim o que está dentro de nós, assim no lugar da dualidade e separação dentro de nós, damos lugar a união.

Enfim, acredite! você precisa deste inimigo interno que tanto você odeia e reprimi, mas ele faz parte de você!

(Deepak chopra)

 

 

 

 

 

 

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Walmei
Carregar mais em In-formação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

Verifique também

COMO VOCÊ SABE QUE ESTÁ NUM RELACIONAMENTO ABUSIVO?

Follow me Você tem ideia de como identificar se você está num relacionamento abusivo? Pois…