Home Consciência VOCÊ É CASADO COM A ZONA DE CONFORTO?

VOCÊ É CASADO COM A ZONA DE CONFORTO?

3 min ler
VOCÊ É CASADO COM A ZONA DE CONFORTO?

VOCÊ É CASADO COM A ZONA DE CONFORTO? Praticamente, toda a humanidade se “casa” com a zona de conforto, porém, não sabem o buraco que vai encontrar, porquê?

Pra evitar a dor, mas isto não seria um problema se fizéssemos uma ou duas vezes por ano, porém,
pra nós é um hábito profundamente arraigado.

Ficamos atrás de um muro invisível, entrincheirados, e não nos aventuramos a sair de trás dele porque além do muro está a dor, enfim,

este espaço seguro é a zona de conforto, que não é um lugar físico, é um estilo de vida que
evita qualquer coisa que possa ser dolorosa.

Por mais estranho que pareça, meramente escapar da dor não é suficiente para nós, insistimos
em substituir a dor pelo prazer. Fazemos isso com um conjunto interminável de atividade viciantes:

1- Navegar na internet
2- Drogas
3- Alcool
4- Pornografia
5- Comidas gostosas
6- Compras compulsivas

E assim todos estes comportamentos são generalizados, todos nós fazemos parte de uma cultura em
busca de sua zona de conforto.

O que não sabemos é que este mundo alternativo que buscamos
é um banho morno, agradável e reconfortante, como se, por um momento, você estivesse
de volta ao útero materno, o problema é que este “banho” só fazem nos debilitar.

Enfim, não importa do que consiste sua zona de conforto, você paga um preço alto por ela,
pois a vida oferece infinitas possibilidades, mas junto com elas vem a dor.

Se você for incapaz de tolerar a dor, será incapaz de viver plenamente. Não se esqueçam: A finalidade da zona de
conforto é manter a vida segura, mas o que realmente faz é manter a vida LIMITADA.

Então, a pergunta: Você ainda quer continuar “casado” com a zona de conforto?

(Phil Stutz/ Barry Michels)

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Walmei
Carregar mais em Consciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Matrix: Aprenda a Sair Dela Segundo Olavo de Carvalho

Matrix: Aprenda a Sair Dela Segundo Olavo de Carvalho. Se você quer mudar o sistema, você …